Pretty In Pink 25 anos depois

Faz algum tempo que a Entertainment Weekly tem promovido reuniões de elenco que vão de filmes que simbolizaram as últimas gerações a séries de TV que deixaram saudades. De todos reencontros recentes que assisti, um dos mais legais foi o do longa “Pretty In Pink” de 1986.

Molly Ringwald (Andy Walsh), Annie Potts (Iona) & John Cryer (o cativante Duckie) deram uma breve entrevista relatando a importância de seus personagens e suas experiências nos bailes de formatura.

E claro, assim como eu, todos torciam para a nossa heroína dar um belo fora no yuppie Blane (vivido por Andrew McCarthy) e ter ficado com o desengonçado mocinho. Bem, esse final foi escrito, mas de última hora acharam que era melhor manter a tônica da “Cinderela moderna” que termina nos braços de seu príncipe encantado (e rico).

Vai, pode falar.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s