Adventureland: Um verão no parque

Quem não teve um emprego temporário ruim, que atire a primeira pedra. O dinheiro nunca é o sufiente, porém, nos divertimos e conhecemos pessoas que de certa forma, mudam nossas vidas para o bem ou para o mal. Dirigido por Greg Motolla (“Superbad“), “Adventureland” (EUA/2008) que aqui no Brasil levou o tétrico título de “Férias Frustradas de Verão“, é baseado numa experiência vivida pelo diretor na década de 1980 no parque Farmingdale, em Nova Iorque. A ação do filme, se passa exatamente em 1987, ano em que o estudante geek James Brennan ( Jesse Eisenberg de “Zombieland“)precisa juntar uns trocados para sair de sua cidadezinha e alçar um novo voo em sua vida.

“Ei, você também gosta de Lou Reed?”

James não consegue nenhum trabalho devido a sua pouca experiência, e vê-se obrigado a aceitar uma vaga na nada glamourosa seção de jogos do fantástico parque de diversões local, recomendado pelo seu amigo maleta Frigo (Matt Bush de Haloween 2“), que tem o péssimo hábito de lhe cumprimentar dando um soco nas “jóias da família”. Quando tudo parecia dar errado para nosso mocinho, eis que ele conhece sua linda e cool colega de trabalho, a misteriosa Em Lewin, vivida pela nova namoradinha americana Kristen Stewart, do blockbusterTwilight“. Kristen, sintetiza a garota complicada e frágil que todo cara sensível e inteligente, gostaria de namorar, assim como Winona Ryder nos anos 80, e Claire Danes na década de 90. Motolla parece utilizar em seus longas, uma fórmula bem parecida com a do inesquecível John Hughes. Adolescentes angustiados com o rumo de suas vidas, o amigo nerd, o valentão pentelho, e os romances problemáticos. Com a diferença de serem apimenados, e regados com um pouco mais de álcool, sexo & erva.

O elenco ainda conta com o bonitão Ryan Reynolds (o Deadpool de ” Wolverine” ) e o sempre impagável Bill Hader (“Forgetting Sarah Marshall“), vivendo o perturbado dono do local. A trilha instrumental, ficou por conta dos amados veteranos indie rockers do Yo La Tengo, e as músicas que servem de pano de fundo, são uma viagem no tempo com diversas faixas que vão de Lou Reed a Replacements, e Judas Priest a Falco, a propósito, uma das melhores piadas do filme, se referem a  “Rock Me Amadeus“, do falecido cantor alemão. Mais de 41 faixas foram licenciadas, mas, menos da metade figuram na soundtrack oficial. Para quem procura uma comédia jovem com boas sacadas e um toque nostálgico, não deixe de assistir.

Trailer

Falco – “Rock Me Amadeus”

Anúncios

Um pensamento sobre “Adventureland: Um verão no parque

  1. Pingback: Tweets that mention Adventureland: Um verão no parque « Discoteca Kamikaze -- Topsy.com

Vai, pode falar.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s