Bom a Bezzi: Clube dos Cinco

breakfastLockersBPS

Quinta-feira passada, 06/08, o mundo perdeu um dos diretores e roteiristas mais representativos dos jovens da geração 80. John Hughes se foi e deixou órfãos como eu e muitas outras pessoas que se apaixonaram pelos seus filmes e por seus personagens carismáticos, cheios de problemas e encanações no cruel mundo da adolescência.

Hughes era apontado como o “Spielberg dos jovens”, graças a títulos como “Gatinhas & Gatões”, “A Garota de Rosa Shocking”, “Ela vai ter um Bebê”, ” Curtindo a vida adoidado” e sua incontestável obra-prima, “Clube dos Cinco” (The Breakfast Club).

O roteiro dessa pérola foi concebido em apenas dois dias no ano de 1982 e ganharia vida em 85, após o diretor conseguir credibilidade suficiente dos estúdios de Hollywood. A historia gira em torno de cinco alunos que não se conhecem e são obrigados a passar um dia inteiro dentro da escola num sábado de inverno.

O quinteto formado pelos então promissores Molly Ringwald (a princesa), Emilio Estevez (o atleta), Anthony Michael Hall (o cérebro), Ally Sheedy (a doida) e Judd Nelson (o marginal), brilham em ótimas atuações, personificando os típicos adolescentes problemáticos da era Reagan, tendo que lidar com traumas e auto-aceitação.

Ouça duas músicas da trilha sonora no podcast do blog LP.

About these ads

Vai, pode falar.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s